terça-feira, 1 de dezembro de 2009

A letra de uma das músicas do novo álbum de Tiago Bettencourt & Mantha. Vai sair no início de Março.

(e eu faço anos a 14 de Março!)


...

Tenho o teu abraço cheio

com a solidão no meio

que não deixa abraçar

Tenho o teu olhar presente

e o desenhar do movimento

do teu corpo a chegar

Tenho o teu riso sentado

e o misterio do teu lado

que preciso desprender

Tenho o corpo a correr

Tenho a noite a trespassar

Tenho medo de te ver

É perigoso este perfume

e a memória do teu nome

é de fogo o que nos une...

tenho o espaço indeciso

dá-me mais porque preciso

mais um sopro do que tens

Mesmo longe caem rosas

como pedras preciosas

que confundem a razão

O mistério do teu lado

entre o certo e o errado

bem e mal em discussão

Volta o teu abraço cheio

com o coração no meio

volto eu a disparar

Não percebo o que é que queres

Diz-me tu o que preferes

Ir embora ou ficar?

Este tempo intermédio

Entre a paz e o assédio

Não me deixa evoluir!

Não é dor nem fogo posto

é amar sem ser suposto

é dificil resistir...

deixa andar, deixa ser

quando queres entender

o que não podes disfarçar

escolhes não sentir

mas não é teu para decidir

se faz bem ao coração

largar o que é em vão

Meu amor esta vontade

Meu amor se é verdade

Meu amor se queres saber

Abre espaço no que é teu

Para te dar o que é meu

Deixa andar... deixa ser.

faz bem ao coração

largar o que é em vão



A.H.



2 comentários:

Cláudia Isidro disse...

é um bocado bonita :D

Gininha * disse...

Dia 14 de Março eu dou-te o CD :D